<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d5669356\x26blogName\x3dThe+Amazing+Trout+Blog\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dTAN\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://theamazingtroutblog.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://theamazingtroutblog.blogspot.com/\x26vt\x3d-5897069651571143186', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

quinta-feira, agosto 11, 2005

Depois de uma manhã inteira numa conversa telefónica de surdos com o patrocínio da Disney da Península Ibérica...

... só tenho um comentário a fazer: em Espanha a droga deve ser mesmo muito boa. Pelo menos quando os "nuestros hermanos" da bonecada entram em tripe, já ninguém os consegue agarrar - nem eles mesmos. As complicações são tantas que só me ocorre que é absolutamente ridículo que estejamos sob os ditames do nosso mais directo rival de dobragens, a quem já roubámos diversos prémios internacionais. Por este andar, e graças à tele-desorientação que têm conseguido fazer grassar nos estúdios portugueses, não roubaremos mais. E confesso que já estive mais longe de sentir o meu trabalho directamente boicotado. Sobretudo quando se mandam para Espanha belíssimos trabalhos para mistura e o resultado final que se recebe é inenarravelmente descontínuo, irregular e mesmo incompetente. Makes you wonder...


Mesmo assim lá se conseguiu levar a barca a bom porto, graças aqui à directora musical e à excelente cantora que numa emergência que parecia fatal me veio cair no colo - ou melhor, no estúdio. Agora, é urgente convencer a Disney americana de que Portugal não é Espanha. A malta gostava, mas não é. Típico: raio do 1.º de Dezembro só se revela no atraso generalizado, a independência propriamente dita já são outros quinhentos.